Remoção de tatuagem: como funciona e quais os cuidados

Tem gente que faz tatuagem meio que no impulso, e depois quer apagar; outras pessoas pensam bastante, fazem a gravação na pele, mas mudam de ideia com o tempo porque a vida toma um novo rumo, e querem se livrar a todo custo do desenho.

Bem, seja qual for o motivo, a remoção de tatuagem requer alguns cuidados – e é interessante entender como o processo funciona. Afinal, apesar dos avanços tecnológicos, não dá para passar uma borracha ou o Photoshop e sumir com tudo dali como se fosse uma mágica.

remoção-de-tatuagem-a-laser

Aproveite o artigo de hoje e veja o que pode ser feito quando bater o arrependimento, tirando dúvidas sobre o tema.

Na remoção de tatuagem com laser, a pele é resfriada e recebe anestesia para reduzir a dor. O laser contorna todo o desenho, primeiro nas partes mais escuras; em seguida, nas mais claras.

Quanto mais claro for o tom da pele, mais fácil será de retirar o pigmento de tinta. Por isso, antes do tratamento, é recomendado proteger o local com um esparadrapo, para evitar a exposição solar e a consequente alteração de cor.

Se você tem algum receio de que o laser cause danos à cútis, pode ficar despreocupado. Em geral, ele provoca apenas uma cicatriz leve, que sai no mesmo dia. Mas é essencial evitar o contato com o sol durante as sessões.

Cada sessão de laser para remoção de tatuagem varia de R$500 a R$3.000. O que vai depender do tipo de tattoo e das alterações de tons da pele.

Porém, não basta abrir a carteira. Para dar adeus à tatuagem, é preciso esperar um tempo mínimo que varia de 25 a 60 dias após o desenho ter sido feito na pele. Depois disso, quanto mais cedo retirar a tattoo melhor, pois as mais recentes são mais fáceis de sair do que as mais antigas.

E outra boa notícia é que sempre tem novidade no mercado para remoção de tatuagem. Uma delas é o Spectra Laser Tonning, que também trata manchas escuras (melasmas).

Além de ser mais rápido de aplicar, o equipamento ajuda a retirar tattoos pretas e tem o poder de eliminar as pigmentações coloridas mais facilmente, pois conta com uma cartela de cores maior.

Saiba mais sobre remoção de tatuagem

Dependendo do tamanho do desenho, são recomendadas de 10 a 15 sessões de laser, sendo o intervalo mínimo de um mês entre cada uma delas. Porém, isso vai depender da capacidade de cicatrização da pele.

Algumas pessoas relatam sentir dor intensa durante a sessão, mesmo quando ela dura cinco minutos. Como se a pele estivesse sendo queimada. Uma sensação bem mais desagradável do que a do momento de fazer a tattoo.

Antes de iniciar um tratamento para retirar a tatuagem, tenha em mente que podem ser necessárias muitas sessões. E nada de sol, apenas pomada anti-inflamatória.

Apesar dos avanços, é preciso alertar: nem sempre o resultado da remoção de tatuagem é o que se espera. As cores ainda são o maior problema. Afinal de contas, o laser não é uma borracha que apaga os rabiscos nas páginas de um livro para que ele seja utilizado outra vez.

Por isso, evite tomar a decisão de cravar aquele desenho na pele em momentos de pura empolgação.

No entanto, se você fizer isso e o arrependimento bater, saiba que, para se livrar da tatuagem, é bom preparar o bolso e controlar as expectativas.

Fica a dica! Até breve!

Posts Relacionados:

Leave a Reply